quinta-feira, 17 de Dezembro de 2009

Olh´á truta!...




A truta é um peixe com "peso" e tradição na gastronomia de entre-Douro e Minho.
Infelizmente a poluição tem prejudicado bastante a sua propagação, já que este peixe precisa de águas puras e cristalinas para poder viver. A sobrepesca e o desrespeito pela época do defeso são outros factores de risco para a espécie, ameaçando a sua existência na natureza e consequentemente na nossa mesa, o que me leva à receita de hoje... Mas antes, só um pequeno aparte... Sabiam que a população de trutas do Gerês tem um património genético único? ... E esse património, como tantos outros, pode e deve ser defendido por todos nós, a começar pelo simples acto de não deixar lixo pelos trilhos e ribeiros do Gerês e quem diz o Gerês, diz outras zonas de grande riqueza natural do país!
Eu e o João já fizemos muitos quilómetros a pé por aqueles montes e muitas vezes acabávamos a apanhar o lixo que outros tinham deixado para trás, porque era ( e é ) um atentado deixar garrafas de água e latas de sumo em sítios tão puros e tão verdes e porque pôr lixo para o chão ( seja onde for ) é uma tremenda falta de educação e de civismo, o que aliás e desculpem mais este aparte, é o que não falta neste país. Mas como este assunto dava pano para mangas, passemos à receita.
Um dos passatempos do meu pai em Lamego é a pesca à truta ( numa zona própria para esse efeito ) e claro, quando cá vem, traz muitas vezes um saco delas.
As receitas tradicionais portuguesas com truta que mais me agradam são as trutas com presunto , o escabeche de truta e esta de truta com bacon que é muito saborosa.
O peixe cozinhado desta forma mantêm-se deliciosamente húmido, graças à água e ao álcool que impedem que o peixe seque com o calor do forno.
Tradicionalmente é acompanhado com batata assada no molho do peixe mas eu servi-o com arroz branco e uma salada variada.






Ingredientes:
4 trutas
4 fatias de bacon
1 cebola média cortada em rodelas
1 alho picado
1 raminho de salsa picada
2 tomates maduros sem sementes e sem peles, cortados em pedacinhos
Manteiga para untar o tabuleiro ou assadeira
3 dl. de água
1 dl. de vinho branco de boa qualidade
1 colher de sopa de conhaque ou brandy
Sal e pimenta preta a gosto
Azeite







Preparação:
Pré-aquecer o forno a 190º, marca 5 do fogão a gás.
Arranjam-se as trutas, tirando-lhes a tripa e lavando-as muito bem.
Temperam-se com sal e pimenta a gosto e põem-se num tabuleiro previamente untado com manteiga.
Recheia-se a cavidade de cada uma das trutas com as fatias de bacon.
Cobrem-se com rodelas de cebola e rodeiam-se com o tomate, o alho e a salsa picada.
Regam-se com a água, o vinho e o Conhaque ou brandy.
Deita-se um fiozinho de azeite sobre as trutas.
Vai a assar e rega-se de vez em quando com o molho que se vai formando, se for necessário, junta-se mais um pouco de água e vinho. Print Friendly and PDF

7 comentários:

A Autora do blog disse...

Peixinho é sempre bom.
Ficou muito apetecível.

http://asvezescozinheira.blogspot.com

isabel disse...

Olá Mónica, como já tive a oportunidade de lhe "dizer", eu sinto uma grande atracção pelo Gerês, pela sua paisagem deslumbrante mas também riqueza cultural. Também já me aventurei por vários trilhos pedestres e fico fora de mim quando me deparo com lixo.Será que nem uma paisagem tão deslumbrante consegue despertar o nosso sentido ecológico e civismo? Agora, desconhecia essa caracerística única das trutas do Gerês: Também daquelas águas límpidas só podiam sair trutas especiais, temos é de fazer a nossa parte e preservar essa riqueza de fauna e flora.
Eu gosto de trutas e costumo cozinhá-las á moda da Ribeirinha que por acaso é com presunto. Esta é mais uma deliciosa contribuição da Mónica para a diversidade de ementas no meu lar.
Um beijinho.

Vânia Jesus-Antígona disse...

Que bela sugestão!
Adoro esse peixinho!
beijinhos

Moira disse...

Concordo contigo quanto à falta de civismo das pessoas ao deixarem para trás o lixo, é indesculpável, se não deitamos lixo para o chão em nossas casas porquê fazê-lo no exterior? Talvez fosse preciso aulas de civismo logo na escola para prevenir o futuro, mas como dizes dava pano para mangas.
A tua receita fez-me lembrar que há anos que não como trutas. Já comi umas parecidas em espanha mas em vez do bacon tinham presunto. Uma delícia.
Bjs
Moira

Fátima Freitas disse...

Por acaso não é dos peixe que mais gosto, aliás não gosto muito. Mas gostei da receita, até era capaz de comer pelo aspecto delicioso que tem.

anna disse...

Que lindas trutas! Adorei as informações que deste sobre as bichinhas...
E gostei muito da forma como as preparaste...
Beijinhos.

ameixa seca disse...

Nunca provei truta mas acho que sou bem capaz de gostar. Adorei o teu aparte... é assim que se fala!

UA-16306440-1