segunda-feira, 14 de junho de 2010

Pato assado com frutas caramelizadas







 Domingo, começou preguiçosamente, sem pressas nem horários. Tarefas obrigatórias a cumprir? Só uma, a de assar um pato para o almoço, um almoço tardio que por pouco, quase se podia chamar de lanche!
A inspiração para o pato com frutas caramelizadas, veio de Danièle Delpeuch mas em vez de o saltear em óleo antes de o levar ao forno, como Danièle recomenda nesta receita, preferi cozê-lo, porque assim é mais fácil conseguir um pato com a carne tenra que depois é só levar ao calor do forno para que a pele aloure e fique estaladiça.
A abundância de cerejas cá em casa, fez com que eu as usasse no lugar dos figos da receita original, o que acrescentou sabor e côr ao molho de fruta que serviu de acompanhamento (já que apesar de gostar bastante de figos, ainda gosto mais de cerejas! E afinal de contas era o que tinha à mão!). E a fruta aqui, por um lado suaviza o sabor forte (mas delicioso!) do pato e ao mesmo tempo cria um contraste entre a doçura e frescura dos pêssegos e cerejas caramelizadas e a gordura desta carne tão saborosa! O resultado é diferente quanto baste sem deixar de ser delicioso!
É caso para dizer "soube-me a pato!"





Ingredientes:
1 pato
3 pêssegos rijos
100 gr. de cerejas
Água
100 gr. de açúcar
Sal e pimenta preta a gosto
3 colheres de sopa de azeite


Para o molho:
Xarope das frutas
3 colheres de sopa da gordura de assar o pato
1 cálice de aguardente


Preparação:
*Num tacho grande ponha o pato e cubra-o com água.
*Leve ao lume e assim que levantar fervura, junte sal e pimenta a gosto.
*Deixe ferver até o pato estar cozido mas não a desfazer-se, a carne deve estar firme.
*Pré-aqueça o forno a 200º, marca 6 do fogão a gás.
*Escorra bem o pato e limpe a pele com papel de cozinha,  ponha-o numa assadeira (que não pegue!) com as 3 colheres de sopa de azeite e leve ao forno a dourar, de todos os lados. Vá mudando o pato de posição para que fique  dourado por inteiro.
*Para arranjar as frutas, leve um tacho com água ao lume (suficiente para cobrir os pêssegos).
*Assim que ferver, mergulhe os pêssegos e deixe por 3 a 4 minutos, tire-os da água, deixe-os arrefecer e tire-lhes a pele com a mão.
*Reserve a água.
*Corte os pêssegos em gomos, com cuidado para não amassar.
*Lave as cerejas e tire-lhes o pé.
*Num tachinho ponha as 100 gr. de açúcar e um pouco de água de branquear os pêssegos, a suficiente para dessolver o açúcar.
*Leve ao lume a ferver, assim que ficar em xarope e começar a querer ganhar cor, junte as frutas e sacuda o tacho para as envolver no açúcar.
*Deixe ferver 2 ou 3 minutos e tire do lume, reserve.
*Depois do pato estar bem dourado, tire-o do forno.
*Cõe as frutas e ao xarope junte a gordura do pato e a aguardente, deixe ferver até o álcool evaporar e o molho ficar mais espesso.
*Sirva o pato rodeado pelas frutas e com o molho à parte numa molheira.
*A quantidade de molho não é muita mas se quiser fazer em maior quantidade, junte água de branquear os pêssegos ao xarope de frutas e mais um pouco de gordura de assar o pato e de aguardente a gosto e depois deixe ferver uns minutos e junte um pouco de maizena diluída em água mexendo até engrossar. Print Friendly and PDF

6 comentários:

Fatima disse...

Que aspecto delicioso tem esse pato, deve ser maravilhoso!!
Beijinhos

Eu disse...

adorei o blog! as fotos estão irresistíveis e as receitas são muito boas!!

um beijinho

Laranjinha disse...

Que pato maravilhoso.

Beijinhos,

deny disse...

Che buono!!!!Adoro le cose un pò forti di sapore, smorzate con la frutta!!!!Anche io la uso molto!!!!Le foto e la "comida" sono speciali! deny

farófia disse...

Já experimentei esta sua receita e ficou uma delícia!
Mas gostava de perguntar se acha possível assar o pato coberto com papel de aluminio....é q o forno ficou todo salpicado c o azeite fervente....

Bombom disse...

Gosto muito de pato e esta receita com frutas parece-me deliciosa. Como amanhã vou à aldeia apanhar as minhas cerejas, já sei o que vou fazer quando regressar! Adorei! Bjs. Bombom

UA-16306440-1