segunda-feira, 11 de junho de 2012

Panna cota de baunilha com puré de physalis # Vanilla panna cota with cape goosberries purée





Adoro aquele momento mágico, em que os frutos de uma nova estação chegam cá a casa. Não de um super mercado, mas diretamente da árvore ou arbusto, acabados de colher. Não há nada que bata isso. E apesar de acreditar que todos os frutos são melhores quando comidos crus, ainda assim guardo sempre alguns para usar numa sobremesa.

Desta vez são physalis. Pequenas bagas alaranjadas,  ricas em nutrientes diversos, incluindo vitamina C e com várias propriedades medicinais. Quando embrulhados nos seus casulos que parecem de papel envelhecido, fazem-me lembrar os balões de S.joão. São parentes afastados dos tomates e a semelhança é evidente, parecem tomates cereja e têm um sabor ácido com um toque muito leve de açúcar.

Já os usei em tartes mas desta vez pensei no contraste da suavidade de uma panna cota aromatizada com baunilha e a acidez frutada dos physalis. Suave e ácido. Doce e frutado.

Uma panna cota de baunilha com puré de physalis...


In english
I love that magical moment, when the fruits of the season arrive here at home. Not from a super-market, but directly from the bush or tree, freshly picked. Nothing can beat that. And although I believe all fruits are better eaten fresh, ao natural, I always keep some to use in a cooked dessert.

This time is cape goosberries. Little orange berries, rich in many nutrients, including vitamin C, and with several medicinal properties. When wrapped in their cocoons, that look like old paper, they remind me of S. João balloons. They are distant relatives of tomatoes and the similarity is obvious. They look like cherry tomatoes and have a tart flavor with a very light touch of sugar.

I have used them in tartelettes, but this time, I thought about tasting the contrast of the softness of a vanilla panna cota and the fruity acidity of a cape gooseberries purée. Mild and tart. Sweet and fruity.

Vanilla panna cota with cape gooseberries purée...

















Panna cota de baunilha com puré de physalis




Ingredientes:
300 ml de natas frescas (não pasteurizadas)
150 ml de leite gordo
75g de açúcar baunilhado
4 folhas de gelatina

Puré de physalis:
150g de physalis
100 g de açúcar
1,5 dl de água


Preparação:
*Leve ao lume as natas com o leite, quando já estiver quente, junte o açúcar e mexa sempre até levantar fervura.
*Ferva por 1 minuto, mexendo sempre e tire do lume. Deixe arrefecer.
*Amacie as folhas de gelatina numa taça com água fria, apertando-as com as mãos. Escorra bem e dissolva as folhas em 2 colheres de sopa de água bem quente.
*Junte as folhas de gelatina dissolvidas à mistura de natas, leite e açúcar. Mexa bem para que a gelatina fique bem distribuída.
*Verta a panna cota em tacinhas ou copos, até 2/3 e deixe arrefecer totalmente, cubra com película e leve ao frio cerca de 1 hora.
*Leve os physalis ao lume (brando) com a água e o açúcar, até ficarem macios, cerca de 10 minutos.
*Triture tudo num processador e coe usando um coador não muito fino para separar a polpa das cascas.
*Verta o puré nos copos de panna cota até cima.
*Leve ao frio até servir.



Vanilla panna cota with cape goosberries purée

Ingredients:
300 ml double cream
150 ml full fat milk
75g vanilla sugar
4 gelatine leaves

Cape goosberries purée:
150g cape goosberries
100g caster sugar
1,5 dl water


Preparation:
*Heat the cream and milk in a heavy saucepan. Add the sugar and stir, until it slowly comes to a boil.
*Boil for 1 minute stirring constantly.
*Soften the gelatin leaves in a bowl of cold water, pressing them with your hands.
*Drain and squeeze them and then dissolve them in 2 tbs of hot water.
*Add the gelatin to the cream mixture. Stir well to distribute evenly.
*Pour the panna cota into ramekins or glasses (up to 2/3) and let it cool completely. Cover with clingfilm and chill for at least 1 hour.
*Cook the cape gooseberries with the water and sugar, until soft (aprox. 10 minutes).
*Blitz the fruit with the syrup into a purée.
*Strain the purée to separate it from the physalis remaining peels.
*Pour the purée into the panna cota glasses, filling them to the top.
*Chill until it´s time to serve.





Print Friendly and PDF

18 comentários:

pedra de sal disse...

Estou rendida ao aspecto... Parece divinal, ainda mais para um que sou fã desse fruto...

Diogo Marques disse...

Por acaso não sou grande adepto de physalis, mas assim num doce irresistível como este acho que iria adorar não sei porque :D

Como sempre...tudo, mas tudo perfeito! :)

Vera disse...

nunca comi physalis, mas estou curiosa já há algum tempo.

Isadora disse...

nunca provei nem conhecia de nome mas com certeza frutos recem colhidos são os mais saborosos!

adorei a sobremesa!

http://deliciasdaisa.blogspot.com.br/

mariana/receitas para a felicidade disse...

Que deliciosa sugestão e as fotos, como sempre, magnificas...

beijinhos!

frango do campo disse...

também já tive phisalis cá por casa, mas quase ninguém gostava, só em gelado.
Agora no quintal dos meus avós estão as framboesas em alta e sabe tão mas tão bem apanhar as framboesas fresquinhas todos os dias :) sinto-me mesmo uma priveligiada :) um beijo
as fotos estão deslumbrantes, como sempre!

Vina disse...

Que belo doce nos apresentas! Fiquei com vontade de te roubar um destes copinhos! E as fotos são simplesmente magníficas! Beijinhos.

Alina disse...

Gorgeous. I love the combination of blue plates and orange berries. Just so lovely.

Arte de Bem Receber disse...

Que bonito aspecto parabéns...

Ondina Maria disse...

Adoro physalis. E tenho uma amiga que me costuma trazer muitas de guimarães. E até já me trouxe uns quantos pés para eu plantar, mas até ao dia de hoje foi a única planta que não vingou. Mas este ano volto a tentar :)
Essa pannacota está a sorrir para mim, oh se está!

Ramona Alina disse...

Obrigada pela receita! as photos são perfeitas! bjs:)

kankana disse...

Nothing like home grown or picked fresh! I cannot do that unfortunately :(

The photos are so amazing as always and the panna cota sounds super yum!

maria benedita disse...

Olá queria fazer-lhe uma pergunta.Como se conseguem estes arbustos?Onde há para vender?Se eu deitar um frutinho destes na terra,pega?Eu sou de Lisboa,mas tenho um pequeno pedaço de terra,muito pouca,onde gostava de ter esses frutos que adoro.
Fico á espera que me responda por favoUm abraço
Maria Benedita

mbenedita.vendinha@gmail.com

Clarinha Chastinet disse...

Encantei-me com seus escritos, fotografias e receitas com alma!!
Parabéns pelo carinho, capricho e elegância do blog!
Bezo, bezo,
Clainha

Nanda disse...

Outro dos doces que gosto muito
Bjs

Filipa Lemos disse...

Uma colega da minha mãe disse-me hoje que tinha lá "um género de flores" que dava para comer e enfeitar os pratos, mas que não sabia o nome (e eu também não), mas pela descrição lembrei-de ser este e vim procurar receita a receita e era mesmo esta "a flor". Plantarei e colherei os seus frutos e farei esta receita tão tentadora!!

Anónimo disse...

So be careful about what pictures you post. Since
Bill Gates gave crisis management firm up his day-to-day role, Microsoft has missed its profit forecasts like everyone else,
but still looks relatively robust. DevelopmentsCrystal Mangum
Guilty of MurderNov. ' Then a voice says to me, not only
do you have a serious problem, you need to consult some help.
Or is it just PR playing at advertising? If your Grandmother wouldn't approve, don't post it5.
Cannot 'know' that their antagonist is not amenable to 'reason' until
he has demonstrated [that he is not].

Also visit my web page :: pr firm

Anónimo disse...

When someone writes an piece of writing he/she retains the thought of
a user in his/her brain that how a user can be aware of it.
So that's why this piece of writing is amazing. Thanks!


My homepage; heating & air conditioning repair

UA-16306440-1